Agora, um novo método de verificação da replicação do zika vírus no corpo humano

Agora os pesquisadores podem projetar facilmente moléculas artificiais capazes de impedir o processo de replicação de vírus. graças aos cientistas que surgiram uma nova técnica determinando a interação do vírus com o próprio RNA do hospedeiro, afirmou um relatório recente da mídia. O estudo foi publicado na Nature Methods e também destaca como o vírus direciona a célula hospedeira para criar novas partículas de vírusreplicando assim. Os vírus de RNA como Ebola, Zika virus e outros representam a maior ameaça para o surgimento de uma pandemia em todo o mundo devido à indisponibilidade de vacinas eficazes e continuam a emergir devido à rápida evolução, destaca a mídia relatório. Os códigos genômicos de suas proteínas interagem com o mecanismo da célula hospedeira e até agora a estrutura dos genomas do RNA viral não era explicitamente conhecida.

COMARDES (Crosslink Of Matched RNAs e DEep Sequencing) é a nova técnica desenvolvida pelos cientistas da Universidade de Cambridge para decidir sobre a estrutura e as interações do genoma do vírus Zika dentro das células humanas. Essas portas abertas para projetar uma nova geração de medicamentos que funcionam bloqueando as interações entre o vírus e o hospedeiro, dizem os pesquisadores.

Eles mostram que o vírus e as moléculas de RNA do hospedeiro podem interagir diretamente por 'emparelhamento de bases' ao longo de partes de sua estrutura, afirmou o relatório da mídia. Essas interações podem ser alvos potenciais para terapias antivirais. Esta nova técnica foi desenvolvida pelo Dr. Omer Ziv, juntamente com uma equipe de cientistas internacionais no Wellcome Trust / Cancer Research UK Gordon Institute.

    

Publicado: 11 de setembro de 2018 12:59

        
            
        
        

Sourcehealthylbook.com

Tags: